Boletim 173

Nov/Dez 2015 – Especial Monografias

Cirurgia reparadora

Uso da terapia à vácuo em complicação de mamoplastia redutora – Relato de caso

As feridas complexas abrangendo o tecido mamário são um problema significativo em termos de eficácia de tratamento e morbidade secundária. O beneficio da terapia à vácuo na cicatrização de feridas abertas é claro, no entanto a utilização desta abordagem especificamente em complicações de cirurgia mamaria não é comum. Apresentamos um caso de infecção e deiscência de ferida após uma cirurgia de mamoplastia redutora tratado mediante desbridamento e utilização de terapia de pressão negativa com sucesso. Este curativo foi importante como adjuvante para controlar o processo infeccioso e para diminuir ao mínimo a necrose local e perda de sustância. Desta forma, manteve-se a forma natural da mama e simetrizou-se com a mama contralateral de maneira simples, dispensando a utilização de outros procedimentos com maior morbidade. Esta abordagem minimamente invasiva demostrou ser um método eficiente, seguro e que manteve os padrões estéticos neste paciente, apresentado-se como uma alternativa terapêutica válida nas complicações de cirurgia mamaria.

Leia mais
Seção do residente

Prevalência da Síndrome Dismórfica Corporal no ambulatório de Cirurgia Plástica do Hospital de Clínicas da UFPR em pacientes submetidos previamente a cirurgia bariátrica

Leia mais
Cirurgia estética da cabeça

Rinofima – Aspectos Importantes da Patologia e Tratamento Cirúrgico com Eletrocautério.

O rinofima, caracterizado por nariz bulboso, é uma doença altamente estigmatizante. Acomete quase que exclusivamente o sexo masculino. Este trabalho objetiva apresentar alguns casos de rinofima, tratados com eletrocautério, seus resultados e impactos na vida dos pacientes, além de dissertar sobre aspectos importantes de uma patologia não tão comum, mas com grandes efeitos sociais e psicológicos. Foi realizada revisão bibliográfica do tema e relato de casos clínicos, antes e após o tratamento. Todos os pacientes afirmaram grande satisfação estética após a conduta proposta, com ganho importante na autoestima e interações sociais. Não ocorreram recidivas. Nas peças cirúrgicas não foram encontradas células carcinomatosas. A experiência ampla com uma determinada modalidade cirúrgica favorece o baixo índice de complicações e a torna a mais adequada a ser empregada. A técnica operatória escolhida para a confecção desse trabalho foi a eletrocauterização. Bruno Cosme Caiado – Residente do 2º ano do Serviço de Cirurgia Plástica da Universidade de Nova Iguaçú – UNIG – Hospital da Plástica, Membro Aspirante da SBCP, CBC (APRESENTADOR), Larissa Cosme Caiado – Pós-graduanda do 1º ano do Instituto de pós-graduação em Dermatologia Prof. Izamar Milidiu Silva, Brasil Ramos Caiado Neto – Chefe do Serviço de Cirurgia Plástica e Microcirurgia do Instituto Nacional do Câncer, Membro Titular da SBCP, FILACP, CBC Célio Coelho Neto Leão – Residente do 2º ano do Serviço de Cirurgia Plástica da Universidade de Nova Iguaçú – UNIG – Hospital da Plástica, Membro Aspirante da SBCP, CBC Farid Hakme – Chefe do Serviço de Cirurgia Plástica – Faculdade de Medicina da UNIG, Diretor do Hospital da Plástica, Ex- presidente da SBCP (1998-2001).

Leia mais
Seção do residente

Contratura capsular (Fisiopatologia e Tratamento)

A mama vem sendo o centro da expressão máxima da feminilidade nas ultimas décadas e importante elemento do equilíbrio psicossocial, devido principalmente a resultados cirúrgicos cada vez mais satisfatórios, o que elevou a procura pela mamoplastia de aumento. Contratura capsular é uma das principais complicações da mamoplastia de aumento, por isto se faz necessário saber realizar o diagnóstico, assim como definir o momento certo de realização da cirurgia. Neste trabalho foi realizada uma revisão bibliográfica, com relatos pré e pós-operatório, de casos de contratura capsular. Trazendo discussão de opções de tratamento para as contraturas capsulares como troca do implante, troca da posição sub-glandular ou submuscular, capsulotomia ou capsulectomia.

Leia mais
Seção do residente

Evaluation of the interference of transaxillary breast augmentation on the sentinel lymph node integrity

Purpose Breast augmentation with silicone implants is the first option for mammary hypotrophy. The transaxillary approach has been gained popularity because of the absence of scar on the breast, what leads to a more natural aesthetic result. Breast cancer is the most relevant factor for prognosis and treatment. However, in early stages is controversial the need of an axillary dissection, due to the morbidity of the procedure. Since the mammography was established as a screening test, a consistent number of women are being diagnosed in early stages. In these cases (T1 T2), with a non palpable axillary node, axillary dissection is no longer the recommended procedure for screening the lymphatic chain. The sentinel lymph node biopsy is a minimum invasive and high accurate method for axillary staging, with high sensibility (84-98%) and low false negative (2-8.8%),becoming the standard technique, and its practice has reduced the morbidity of early breast cancer treatment. However this non invasive method is not indicated for patients who have been submitted to axillary surgery, due to the controversy about the interference of the axillary approach on the evaluation of the axillary drainage. The goal of this study is to evaluate the behavior of the axillary lymphatic drainage on patients submitted to transaxillary breast augmentation. Methods Twenty seven patients were selected based on inclusion exclusion criteria age, grade of ptose, absence of mammary pathology, absence of any disease or pregnancy to be submited to breast augmentation by the transaxilary approach. To analyze the lymphatic integrity all patients were submitted to mammary lymphoscintography with technetium -sestamibi before the surgical procedure, twenty one days and six months after the procedure. The axillary lymphatic chain and the first axillary lymph node were analyzed and compared to the preoperative images. Results in all patients the images of the lymphatic drainage has not been altered after the procedure, and the sentinel lymph node could be identified. Conclusion the preservation of the lymphatic drainage and the detection of the sentinel lymph node after transaxillary breast augmentation prove the evidence that the procedure does not alters the mammary drainage integrity. This translates to the possibility of a less invasive treatment in patients with early breast cancer and prior breast augmentation by the transaxillary approach.

Monografia vencedora do 3o lugar do prêmio Francisco Slagado, destinado a monografias apresentdas por residentes R1 e R2 ao concurso de monografias da Instituto Ivo Pitanguy.

Leia mais
Seção do residente

Abordagem cirúrgica minimamente invasiva no tratamento da gangrena de Fournier

A gangrena de Fournier é uma fasceite necrotizante do períneo e genitália externa que possui alta morbidade e mortalidade devido ao diagnóstico tardio e as comorbidades associadas nesses pacientes. Representa um desafio clínico e cirúrgico para uma equipe multidisciplinar onde o cirurgião plástico é de importância fundamental tanto na fase aguda quanto na reparadora para devolver o contorno e a funcionalidade às regiões acometidas pelos desbridamentos amplos de tecido necrótico. Adotamos uma abordagem cirúrgica minimamente invasiva que combina a utilização de terapia de pressão negativa tipo VAC® (KCI USA, Inc., San Antonio,TX) com o emprego da matriz dérmica Integra® (Integra LifeSciences Corporation, Plainsboro, NJ), retalhos locais e colostomia em caso necessário. Apresentamos três pacientes consecutivos com acometimento diverso da região perineal e regiões adjacentes tratados com sucesso mediante esta abordagem. Os autores ressaltam como estes pacientes críticos com feridas complexas podem ser tratados de maneira simples e com mínima morbidade na reconstrução. * Médico Residente de Cirurgia Plástica e Reparadora do Instituto Ivo Pitanguy, Rio de Janeiro, Brasil. ** Staff do Serviço de Cirurgia Plástica, Estética e Reparadora da Rede D´or, Rio de Janeiro, Brasil. *** Preceptor do Instituto Ivo Pitanguy e Staff do Serviço de Cirurgia Plástica, Estética e Reparadora da Rede D´or, Rio de Janeiro, Brasil.

Leia mais
Outros

Concurso AExPi de monografias de residentes em cirurgia plástica – Classificação

Confira as monografias vencedoras R3 Lee Seng Khoo Rafael Dib Porcides Guilherme Moreira R1 e R2 Guilherme Bachtold Juan Carlos Larsson Gabriel Marujo

Leia mais